• banner image
  • Sou escolha da minha escolha! | Coluna Talita Cavalcante


    A vida que amanhece não anoitece. Outra vida brota entre um abrir e fechar dos olhos. Há quem diga que não enxerga mudanças, que todo dia se arrasta idêntico, mas cada narrativa é uma escolha. Enxergamos o que queremos. Plantamos o que queremos. E o que fazemos, fazemos por motivos diferentes. E é por isso que algumas pessoas são realmente mais felizes que outras, são mais positivas que outras, são mais leves e interessantes. São os motivos que ESCOLHEMOS serem nossos guias que nos fazem nos agarrar a uma vida mais ou menos livre, a uma vida mais ou menos rica, a uma vida mais ou menos alegre. São esses MOTIVOS, liderados por emoções bem ou mal cuidadas, lideradas por limitações de qualquer natureza ou por asas que se impõem indiscretas, também por fatos que aceitamos ou não no nosso entorno, são esses MOTIVOS que criamos como reais (e se nunca os questionamos, eles viram monstros ou anjos criados por nós), são eles que (finalmente eu te digo) nos cegam ou nos fazem enxergar mais claramente, através das cortinas que penduramos, por escolha, nas nossas realidades. E toda realidade não existe, pois mesmo quem as vive, vivem-nas diferente, sentem gostos diferentes e serão eternos escravos de suas experiências se não ESCOLHEREM um distanciamento saudável. Quem dera a todos nós a capacidade imediata desse distanciamento que nada mais é que virar o pêndulo de uma balança e, sendo-o, ganhar a capacidade de agir para equilibrar toda a bagunça ou toda a graça (dependendo do que você quer escolher enxergar mais!). Uma planta que sobrevive e produz alimento, faz esse balanço todo dia. A gente precisa do mesmo tipo de exercício. Pois a vida muda, muda muito. E muda com o alimento que escolhemos pôr pra dentro.

    Há dor, há amor, há medo. E nesse momento minha narrativa é o mais diferente possível de todas que já narrei e esbarra nas narrativas à minha volta. Minha vida se mostra tão importante e tão importante quanto ela se mostra a vida das pessoas que prezo. Sou parte da dor e do amor deles. Sou parte da vontade de viver para espalhar o melhor. Sou escolha da minha escolha de ser para mim e para o outro o pêndulo que foca nos bons momentos, no que realmente importa. ❤️

    You Might Also Like

    0 comentários